Iniciando uma pequena Aplicação para controlar atividades no Raspberry

Depois de concluir a faculdade, uma área que eu achei bem legal foi o desenvolvimento web, e resolvi tentar fazer um projeto pessoal na área.

Normalmente eu controlo coisas como áudio e vídeo no raspberry acessando ele remotamente via ssh, mas eu gostaria de controlar do celular ou de qualquer outro dispositivo, e uma forma de fazer isso é com uma aplicaçãozinha web. Eu ja fiz algumas coisas simples como ligar e desligar a música, videos, e apesar de só ser acessível dentro da rede interna aqui que o roteador de casa faz, eu gostaria de fazer algo mais organizado, usando senha.

O que eu quero é fazer algo assim:

Um banner superior com um menu lateral, e algumas informações acima do banner, no centro da tela então eu uma tela com os controles, de som por exemplo.

Então mais especificamente, eu quero fazer algo assim:

Se você entrar na página deslogado, eu peço uma senha, e uma vez que você tenha se autenticado:

A gente começa a aplicação, e deixa algumas informações de login, como quem está logado.

Bem, como eu não conheço muitas tecnologias, o que está mais a mão no raspberry é o php, então eu resolvi usar o php no lado do servidor e html, css e javascript para fazer algumas páginas e formulários. Além disso, vou tentar organizar tudo usando o MVC, model, view e controller.

Eu instalei o apache e o php no raspberry segundo os tutoriais da própria página do raspberry, então dentro da pasta /var/www/html eu criei uma pasta chamada rasp_apps para colocar meu código. O conteúdo dessa pasta está no repositório de mesmo nome aqui, de forma que código fica público, e é fácil administrar mudanças, backup, etc. Acho que não estou adicionando muita coisa aqui, essas são mais notas mentais do que uma explicação do que estou fazendo de verdade.

Mas tudo bem, vamos ao código em si.

Dentro da pasta inicial da minha aplicação, temos um index.php, e nele temos:

1
2
3
4
5
6
7
<?php
require_once 'Controller/controller.php';
ob_start();
session_start(['cookie_lifetime' => 86400,]);
$controller = new Controller();
$controller->init();
?>

Bem, aqui a gente inicia um cookie, que é a forma de manter alguém conectado, de outra forma, não teríamos como manter as variáveis, depois vou tentar escrever sobre a comunicação web, mas depois disso a gente cria um objeto da classe controller que criamos e iniciamos ele, com a função init.

Eu não fiz uma pasta model ainda, pois ainda não comecei a usar banco de dados, até aqui eu só fiz um formulário para entrar com usuário e senha e validar. E como eu faço isso? Para isso server o controller, ele controla tudo, e chama as visualizações.

Quando a gente roda

1
$controller = new Controller();

nos construímos o objeto, que nesse caso, tudo que a gente faz é

1
2
3
4
public function __construct() {
        ini_set('error_reporting', E_ALL);
        ini_set('display_errors', 1);
    }

Habilitar a apresentação dos erros do php, que ajudam a entender porque tudo não funciona, e depois nos rodamos o init

1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
 
 public function init() {       
 
        if (isset($_SESSION['valid'])){
 
            if (isset($_GET['op'])) {
                $op = $_GET['op'];
            } else {
                $op = "";
            }
 
            switch ($op) {
            case 'cfg':
                $this->cfg();
                break;
            case 'logout':
                $this->logout();
                break;
            default:
                $this->index();
                break;
            }
 
        }else{
            $this->login();
        }
 
    }

Esse método, é basicamente um ifelse para saber se a pessoa está autenticada,

1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
 
if (isset($_SESSION['valid'])){
 
 
             ###Código
            
 
        }else{
            $this->login();
        }

Senão nos vamos logar, e quanto estivermos logados, vamos cair num switch, que vai administrar as possibilidades da aplicação. Mas então para logar, chamamos o método login.

1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
public function login() {
        if (isset($_POST['login']) && !empty($_POST['usuario']) && !empty($_POST['senha'])) {
                $this->valida_login();
        } else{
            if(isset($_SESSION['mensagem'])==false){
                $_SESSION['mensagem']='';
            }            
            require 'View/login.php';
        }
    }

O login, vai olhar se foi enviado algo pelo método post, se o usuário enviou algum dado, como é a primeira entrada no método, nenhuma dessas variáveis existem, então vamos ao else, que olhar se tem alguma mensagem, para apaga-la, e como não tem nada, ele só chama a tela de login.

O que de fato interessa na tela de login é o seguinte:

1
2
3
4
5
6
7
8
9
<?php echo $_SESSION['mensagem']?>
 
	<form action="?op=''" method="post" ?>
 
	    <input type = "text"  name = "usuario" placeholder = "Usuário = teste" required autofocus></br>
	    <input type = "password"  name = "senha" placeholder = "Senha = 1234" required>
	    <button type = "submit" name = "login">Login</button>
 
	</form>

Aquela mensagem, ela vai ser exibida, se tiver algo nela, e temos um formulário, que preenche exatamente aquelas informações de usuário e senha e tem um botão que envia essas informações ao controller, veja que a gente preenche duas coisas, o usuário e a senha, enviando via post.

Agora, vamos denovo passar pelo init, não estamos autenticados ainda, o que nos leva para o método login, mas agora temos um usuário e senha então vamos para o método valida_login

1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
public function valida_login() {
            if ($_POST['usuario'] == 'teste' && $_POST['senha'] == '1234') {
                $_SESSION['valid'] = true;
                $_SESSION['timeout'] = time();
                $_SESSION['usuario'] = 'Rasp_levins';
            }else {
                unset($_POST);
                $_SESSION['mensagem'] = 'Usuário ou senha incorreto!';
            }
            $this->init();
    }

Agora a gente pode finalmente testar se o usuário e senha conferem, e nesse caso, validar a sessão, ou se o usuário digitou o conjunto usuário e senha errados, nós geramos uma mensagem de erro, e não validamos a sessão.

A princípio, é tudo bem simples, e temos somente um usuário e senha no método de avaliação. Agora o próximo passo é criar uma base de dados com usuário e senha para fazer essa consulta, de forma a não ficar os usuários e senhas ali no meio do código, bem existem muitas coisas a serem feitas ainda, mas fazer a conexão com um banco de dados já possibilita várias outras coisas.

Bem é isso ai, o script vai estar la no repositório rasp_aaps, e se eu escrevi alguma bobeira, algo errado, deixe um comentário corrigindo ou mande um e-mail.

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *